quarta-feira, 26 de abril de 2017

Conhecendo um novo trabalho no mundo espiritual

         Numa noite dessas, fui convocada a ir conhecer um trabalho que tem dado ótimos resultados no mundo espiritual. Trata-se da união de todas as religiões em prol dos muitos desencarnes ou mortes que tem ocorrido ultimamente em nosso planeta devido a guerras, acidentes e assassinatos.
          Este trabalho de amparo e ajuda espiritual é desenvolvido em um grande barracão, na entrada é feito uma triagem pra saber qual grupo de ajuda será encaminhado este espírito sofredor que na maioria das vezes nem tem consciência de sua morte física.
          Pude observar e ajudar alguns espíritos, encaminhando-os para serem atendidos conforme suas crenças religiosas que praticavam quando estavam vivendo aqui na terra.
          Em cada setor do ambiente, pois eram divididos por grandes salas, havia um tipo de trabalho sendo desenvolvido conforme a crença.
          No setor católico, vi padres e paroquianos orando como se fosse uma missa e socorrendo os que ali chegavam, havia imagens de Jesus para que os sofredores se sentissem em casa.
          Fui andando de setor em setor para conhecer tudo, no espírita vi pessoas fazendo uma breve preleção, outros explicando a nova situação dos que ali entravam, observei até mesmo alguns atendimentos mediúnicos, para ajudar na aceitação dos irmãos sofredores.
          No setor evangélico, vi muitos pastores com seus ajudantes tentando explicar que a vida tinha acabado mas que a alma era eterna, ou seja, ali poderiam continuar com suas crenças e evoluir no mundo espiritual.
          Na sala ao lado dos evangélicos estavam os umbandistas e seguidores do candomblé, todos trabalhando caracterizados com roupas brancas, velas acesas e até os cânticos que usam normalmente em terreiros. Tudo numa harmonia que deixaria muitos de nós estupefatos.
          Quando pensei que teria acabado minha visitação, deparo-me com mais um corredor cheio de salas, tinha equipes de muçulmanos vestidos a caráter com suas orações, sendo um lado para os homens e outro para as mulheres, nisso eram parecidos com os judeus.
           Minha alegria só aumentava, ao sair de cada sala sentia em meu íntimo que ainda temos solução, essas guerras e brigas por religião vão acabar, pois como somos uma cópia do mundo espiritual, creio que no futuro próximo esse tipo de trabalho poderá ser realizado aqui no mundo físico.
           Ao despertar no corpo físico, sinto uma emoção muito forte e trago gravado na memória e no corpo todas as emoções que vivi, sinto-me renovada energeticamente e passo dias sentindo essas energias circularem em meu corpo.
           A mudança pode e deve ocorrer a partir de nossas pequenas atitudes, não podemos exigir dos outros o que ainda não praticamos ou aceitamos. Seja a diferença na sua comunidade...   

segunda-feira, 24 de abril de 2017

A mudança e melhora do planeta somos nós

        Tenho observado que a grande maioria das pessoas tem se sentido muito cansada ultimamente, será que estamos trabalhando mais do que descansando?
        Qual é a sua prioridade em relação a saúde mental, física e espiritual?
        Segundo os espíritos amigos, este cansaço é devido as novas frequências eletromagnéticas que circulam o nosso planeta, causando nas pessoas mais sensíveis uma fadiga mental, corpórea  e espiritual, isso sem falar que também mexe com nosso emocional.
         A espiritualidade tem enviado muita energia para que possamos nos equilibrar e tomar o melhor rumo neste momento de transição planetária, onde muitos serão testados de todas as maneiras pra ver quem se sai melhor e pode permanecer aqui na terra.
         As frequências eletromagnéticas unidas a energia enviada pelo mundo espiritual acabam criando um grande pulso, fazendo com que tenhamos a sensação de dias mais curtos e nosso tempo diminuindo gradativamente.
          Nada para na galáxia, tudo vive em constante mutação e transformação, tudo pulsa, tudo vibra, tudo tem seu ritmo e cadenciação. A transição planetária nada mais é do que essa transformação criada pelo pulso que nos impulsiona a evoluir e crescer espiritualmente.
          Ao passar pela terra, essa energia toda arrebatará e iluminará tudo, cada sombra ou fresta que existir no plano físico será banhada pela luz, fazendo com que aqueles que não estiverem despertos para o amor e a fraternidade sejam retirados aos poucos do planeta.
           Mas será que existe um dia exato para que isso ocorra?
           Segundo os espíritos, já estamos neste processo de limpeza do planeta, é por isso que temos a sensação de que o mal esta dominando, mas é exatamente o inverso, nós é que estamos nos modificando moralmente e hoje não achamos mais normal ver crueldade sendo praticada. Se fosse a 100 anos atrás é muito provável que a grande maioria de nós não sentiria revolta, nem mal estar perante a morte ou mutilação de seres vivos.
            Este despertar já vem acontecendo a pelos menos 50 anos, crescemos intelectualmente, financeiramente mas a moral ainda deixa a desejar, por isso que precisamos deste momento de transição para separar o joio do trigo como Jesus muitas vezes nos alertou.
            Estudem, pesquisem e façam a mudança interior em prol de um mundo mais amoroso e tranquilo.
        

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Bate papo sobre mediunidade

 

           Em uma conversa animada com alguns amigos, onde todos tem alguma faculdade mediúnica e são trabalhadores tanto aqui em casas espiritualistas como em desdobramentos; a conversa acaba por se direcionar para os locais onde vamos frequentemente. Ronaldo resolve se pronunciar:
           -Nas vezes que trago alguma lembrança é de lugares de estudo ou resgates, nem sempre lembro, mas quando o faço tendo a sentir alguma fadiga durante o dia. Sei que doamos nosso ectoplasma mesmo não saindo de perto do corpo mas me parece que quando vou a lugares mais densos sinto refletir em meu corpo.
           -Eu não sinto nada, creio que já estou acostumado a trabalhos nas cidades mais densas da espiritualidade.
           -Nossa Carlos, você não sente nada ao acordar? Nenhum mal estar?
           -Não mesmo Ronaldo, como disse já estou há muito tempo nesse tipo de trabalho, tanto que nunca lembro de estar estudando.
           -Eu sempre lembro de estudar, normalmente estudo lá antes de começar a estudar aqui determinado assunto, lembro também das outras atividades, mas como o estudo é muito importante pra mim, trago mais lembranças.
            -Como assim Fátima, podemos escolher o que lembrar?
            -Com toda certeza, meus amigos espíritos sempre me disseram que só trarei na lembrança o que eu quiser, locais onde fico chocada ou me trazem alguma lembrança ruim, eu não faço questão de lembrar.
            -Então eu devo não querer lembrar nada, pois nunca trago nenhuma lembrança..
            Todos rimos, pois Janete nunca lembra de nada que faz durante o desdobramento do corpo, mas é uma médium muito boa quando se trata de encorporação.
            -Cada um com sua mediunidade e suas disposições, eu por exemplo não encorporo nada, mas consigo falar com os espíritos e  fazer com que sigam seu destino.
             -Isso é verdade, o que seria de nós se todos tivéssemos o mesmo tipo de mediunidade, creio que seria um caus...
             -Segundo Kardec no livro dos espíritos e dos médiuns, cada corpo tem um biotipo pra uma determinada faculdade mediúnica, uns a trazem de outras vidas, outros precisam desta ferramenta pra evoluir mais rápido e tem os que desenvolvem nesta vida pra ajudar os que estão próximos.
             -Verdade Fátima, cabe a nós estarmos em estudo constante e melhora íntima pra que saibamos usar com inteligência esse beneficio que a espiritualidade nos dá.
              E o bate papo continuou.... 

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Conhecendo lugares mágicos.

        Nem sempre lembro de estar saindo do corpo, muitas vezes ao despertar já estou no mundo espiritual ou em alguma atividade do lado de lá. Dia desses me encontro em frente a um lindo jardim, nada parecido com os que conheço, tinha árvores diferentes, flores desconhecidas e um perfume de incenso.
         Mentalmente pergunto se estou em algum templo budista, pois tudo o que observo remete a esse pensamento. Sem obter resposta alguma, sigo caminhando por entre as árvores em uma pequena estrada de pedras.
          A paz que sinto é grande, não sei explicar mas conheço o lugar, sei que ao final da estrada de pedras tem um templo onde me vejo orando. As vezes tenho essas recordações que nem sei se são vivências de outras vidas ou se vou em desdobramento para esses lugares.
          Desde muito jovem, sempre apreciei ir a igrejas e templos, me sinto em casa. Gosto do paz e do silêncio que reina nesses ambientes, não sou muito religiosa, ou seja, não gosto de ficar horas rezando ou pedindo como a  grande maioria das pessoas. Vou muitas vezes nesses lugares para entrar em conexão com a luz que existe em mim.
          Continuo a caminhar pelo jardim envolta em meus pensamentos, quando deparo-me com um amigo sentado num banco, observo que esta perdido em seus pensamentos, pois não vê que me aproximo.
           -O que faz aqui?
           Meu amigo dá um pulo e quase cai do banco, creio que nem tinha notado onde estava.
           -Como cheguei aqui? Só lembro de estar rezando e pedir um pouco de paz e tranquilidade.
           -Veio ao lugar certo, venha vou lhe mostrar o templo e você poderá orar lá dentro.
           Ele muito desconfiado segue-me, olhando a tudo com certo receio.
           Fui mostrando tudo, contando a história do lugar, de cada árvore, de cada flor. Até me assustei pois nem sabia que tinha essas informações em minha mente, só me era familiar o ambiente.
           Ao nos aproximarmos do templo sinto uma forte emoção, creio que já vivi aqui em alguma vida, será que fui monge? Bem isso não importa muito, pois ficou no passado e agora quero rever o local.
           Esse meu amigo é muito religioso, ao adentrarmos no templo, cai de joelhos e começa a orar. Chorra compulsivamente, era um misto de emoção e ansiedade por encontrar um local tranquilo onde poderá entrar em conexão com seu inconsciente  e quem sabe encontrar as respostas para suas dúvidas.
           Fico sem saber o que fazer ou que atitude tomar em relação a ele, neste momento ouço uma voz dentro de meu ser dizendo: deixe-o, ele precisa deste tempo a sós..
            Saio de perto e sento-me em uma almofada e fico a observar o local. Estou numa sala muito espaçosa, com incensos e algumas flores, vejo somente uma imagem de Buda num tipo de altar, nada de cadeiras ou qualquer outro tipo de móvel, no chão almofadas ou pequenos tapetes para sentarmos. Sem sombra de dúvida é um templo budista....

quarta-feira, 12 de abril de 2017

Teremos guerra no planeta terra?

         Assistindo telejornais e noticias trágicas fica quase evidente que teremos uma guerra pela frente, afinal se ouve uma primeira e segunda guerra é meio óbvio que ocorrerá outra. Inclusive as profecias tem nos alertado disso a muito tempo.
          Segundo os espíritos amigos, esse evento esta previsto no registro akaskico do mundo, mas ele não pode e não deve acontecer. Para isso, será preciso despertar o máximo de pessoas possíveis para formar uma massa crítica em prol de evitar este acontecimento.
          Esse despertar deverá ser de no mínimo 33,3% da população terrestre, pois assim seremos 1/3 que compreenderá o momento e vibraremos na mais alta frequência existente uma energia de gratidão e compaixão que conseguirá iluminar os outros 2/3 restantes da população.
          Se você sente em seu coração que pode fazer algo em prol da humanidade, faça. Não tenha medo de se expor, de ter convicções firmes no bem, afinal como já nos trouxe Kardec na codificação, o bem é muito mais forte que o mal, só é tímido. Quando confiarmos que nossa vibração no bem é potente o suficiente, faremos os milagres de que Jesus tanto falava.
          O que nos atrapalha é nossa mania de reclamar da vida, guardando raiva e magoas, nosso medo de viver tende a nos bloquear energeticamente. Livre-se do medo, da raiva, magoa e rancor se quiser vibrar luz.
          Comece sendo luz pra você, sua família, amigos e a todos que te cercam, irradie sem esperar nada em troca, com o tempo os que estão próximos começaram a pensar e irradiar luz, criando uma egrégora de paz e amor em nosso planeta.
          Somos seres destinados a se transformarem em luz, mas cabe a cada um de nós vibrar e sintonizar este sentimento puro e belo. Nada ocorre abruptamente, tudo nasce, cresce e floresce no momento oportuno.
           Uma terceira guerra pode ou não acontecer, dependerá de nós a mudança energética do planeta pra que não ocorra, sintonize na frequência do amor incondicional, da gratidão ao seu semelhante e confie que o Mestre nunca nos abandonará.  

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Conhecendo algo novo

           Sou o tipo de pessoa que gosta de conhecer coisas novas para ampliar meus conhecimentos e habilidades. Esses dias fui conhecer um templo gnóstico, pois segundo os estudiosos, Jesus e seus apóstolos também frequentavam naquela época templos de várias religiões, e alguns apóstolos eram simpatizantes após a morte de Jesus do gnosticismo.
           Ao adentrar no templo, reconheço diversos símbolos entre eles a cruz de madeira do cristianismo e também uma menor no topo de uma lança, que era o símbolo dos templários; vejo uma estatua do Buda rodeada por flores, incensos, velas e cristais; há também em todos os cômodos uma estrela de cinco pontas que remete a várias seitas, desde o cristianismo, magia, maçonaria....
           A energia do local era boa, não senti nada de negativo no ambiente, mas aquela quantidade de símbolos me deixa com a pulga atrás da orelha. Será que precisamos de tantos símbolos assim? Será que nossa proteção depende exclusivamente deles?    
           Na sala, sentada, aguardando o início da palestra, percebo que tem um vulto ao meu lado, não consegui vê-lo nitidamente, mas senti que não queria fazer mal algum, somente ficou ao meu lado. Durante a preleção, senti muita calma e tranquilidade, não me sentia em ambiente hostil, fechei meus olhos e deixei-me ser levada por essas emoções, quando dei por mim estava saindo de meu corpo, vi muitos espíritos acompanhando a palestra, muitos segundo me disseram, quando estavam aqui haviam participado de seitas como essa.
            É interessante que mesmo eu não querendo acabo saindo do corpo em certas situações e lugares onde há oração e pratica do bem, é muito fácil de se entrar em conexão com boas energias e bons espíritos. Há quem diga que dá pra se fazer isso em qualquer lugar, isso é verdade, mas em certos lugares é bem mais fácil. Não serei hipócrita em dizer que existe uma religião ou lugar específico onde seremos felizes, pois a felicidade deve estar dentro de nós mesmos.
            Observo que a humanidade está meio perdida em relação a religião, pois acredita-se que sem a religiosidade não evoluiremos, eu discordo. Sem amor no coração não haverá evolução.
             Eu recomendo a todos frequentarem templos, seitas, religiões diferentes, pois somente assim poderemos encontrar nosso caminho de crescimento espiritual. Mas sempre tendo em mente que os sentimentos devem sair de nós, é de dentro pra fora que se evolui e não o contrário.
             Abrir a mente para novos aprendizados é uma das formas de crescermos espiritualmente. 

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Desligue-se de tudo que te atrapalha

         Desligar-se de que?
         Desligar-se de quem?
         Desligar-se emocionalmente de episódios tristes que já ficaram pra trás. Desligar-se de pessoas que são verdadeiros pesos extras em nossas vidas.
          A grande maioria das doenças físicas e emocionais ocorrem em decorrência das conexões mentais emocionais mal resolvidas, tais como:
          * Magoas que o tempo não curou.
           * Divórcio onde os cônjuges não se desligaram.
           * Desejo de vingança ou rancor.
           * Ofensas que não conseguimos esquecer.
           * Aquele familiar ou amigo problemático e que nos tira do sério...
            Enfim, há milhares de motivos que nos fazem entrar em conexão com essas energias densas e maléficas, mas também existem muitos outros pra nos tirar desse caminho tão sofrido.
            A religião é uma delas, não falo da religião em que há dominação ou manipulação, mas sim, a religião no sentido amplo da palavra, religio que vem do latim, do verbo religare, que significa religar o homem a uma divindade; ou seja religião é a nossa ligação com algo supremo, seja um Deus ou uma energia, afinal nem tudo é palpável.
            Percebo que na atualidade a religião transformou-se em uma troca financeira e muito lucrativa, já perceberam a quantidade de igrejas  e templos?
            Será que todos estão ensinando essa religação com o Ser Supremo?
            Quando aprendermos a aquietar nossa mente, nossos instintos, perdermos o medo do sobrenatural, talvez nesse dia conseguiremos nos religar com o criador.
             Desligue-se do que te faz mal, desligue-se do que te atrapalha....
             Começa uma nova vida todos os dias pela manhã, aceite-se, ame-se e queira ser feliz, pois este é o sentido da vida...